terça-feira, 14 de janeiro de 2014

NA ÚLTIMA VEZ em que venceram na estreia, Remo e Paysandú foram "punidos" em campo

Em 2011, o Independente, de Tucuruí, se tornou o primeiro clube do interior a ser campeão paraense




Paysandu e Remo tiveram estreias parecidas no Campeonato Paraense. Os rivais começaram na frente, respectivamente, de Gavião e Cametá, levaram o empate, mas venceram, por 2 a 1, com gol no finalzinho. Mas vitória da dupla Re-Pa na 1ª rodada do Estadual não é significado de bons ventos. 
Pelo contrário. A última vez em que Paysandu e Remo venceram na estreia, houve uma catástrofe para a dupla da capital. Por outro lado, os Deuses do futebol acabaram com uma injustiça no Pará. Em 2011, o Independente, de Tucuruí, se tornou o primeiro clube do interior a ser campeão paraense.

Naquela oportunidade, o Paysandu meteu 4 a 2 no Castanhal, na Curuzu, em Belém. Enquanto isso, o Remo fez 3 a 0 no São Raimundo, no Baenão, também na capital. O Papão até chegou a ganhar a Primeira Fase. Mas na final, contra o Independente - vencedor da Segunda Fase -, o Paysandu sucumbiu diante do rival do interior.
A caminhada para o título de 2014 ainda é muito longa. Pela 2ª rodada da Taça Cidade de Belém, o Paysandu enfrentará o Santa Cruz na Curuzu, nesta quarta-feira, às 21h30 (horário de Brasília). O Remo, por sua vez, jogará na quinta-feira, no mesmo horário, diante do Independente, no Mangueirão, em Belém. O Re-Pa está marcado para 26 de janeiro.

 Fim do jejum!

Com a vitória na estreia, o Paysandu encerrou um jejum de dois anos. Em 2012, o Papão começou o Campeonato Paraense com derrota para o Cametá (2 a 1). Na temporada passada, o time bicolor não passou do empate, por 2 a 2, com o São Francisco. Em 2012, o Cametá acabou com o título, enquanto o Paysandu venceu o Estadual na temporada passada.

O Remo, por sua vez, não se sagra campeão do Campeonato Paraense desde 2008. Mas nos dois últimos anos - assim como fez em 2014 -, venceu na 1ª rodada. O Leão bateu o Águia, em casa, por 1 a 0, em 2012, e derrotou o Santa Cruz, diante da torcida, também por 1 a 0, no ano passado. 

Nenhum comentário:

Postar um comentário

OBRIGADO por comentar e volte sempre ao BLOGUE do Valentim!