quinta-feira, 30 de abril de 2015

SHAZAN e Xerife

50 ANOS da Globo? Então parabéns ao Shazan e ao Xerife, dois heróis infantis que nunca viram a criança como mercado consumidor. Mas isso foi há muito tempo...

Gozado, tanta gente com lembranças boas mas pra mim foi uma época muito traumática. Eu tinha 8 anos, a gente não podia sair junto na rua, juntava gente sempre. E eu era sempre identificado como "o filho do Xerife". "Você vai ser ator igual ao seu pai?", foi a pergunta que mais ouvi durante anos. Acho que fiquei meio traumatizado...

Uma vez, na festa da chegada de Papai Noel, no Maracanã, os dois personagens foram aclamados no gramado do estádio. Na saída, porém, eu, meu pai e a minha mãe ficamos presos dentro do carro, envoltos por uma multidão que batia na lactaria e gritava, "Xerife!", "Xerife!". Ficamos todos apavorados, morrendo de calor ali dentro (imagine o bairro do Maracanã no mês de dezembro). Não podíamos nem abrir os vidros e o carro não andava. Nunca me esqueci do momento em que um cara colocou a boca no quebra-vento e gritou:

_ Orgulho mata, heim!

O carro foi andando devagar até se desvencilhar da turba. Foram os 200 metros mais longos e dramáticos da minha vida. (Marcelo Migliaccio, Rio Acima)

Nenhum comentário:

Postar um comentário

OBRIGADO por comentar e volte sempre ao BLOGUE do Valentim!